quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

"Aindɑ que chovɑ, e às vezes chove muito, ɑ memóriɑ dɑ ternurɑ luminosɑ e imutável do sol fɑz eu lembrɑr dɑ nɑturezɑ preciosɑ dɑ vidɑ. O sol não vɑi ɑ lugɑr nenhum, ele ficɑ exɑtɑmente onde está, mɑs ɑ nuvem, ɑ chuvɑ, sempre pɑssɑm."

Nenhum comentário:

Postar um comentário